Dicas para gestores
29/03/2021

Por que a gestão estratégica de pessoas se tornou um mantra no mundo dos negócios?

Você sabe qual é a importância da gestão estratégica de pessoas? Essa questão é fundamental para o sucesso das empresas, independentemente do segmento de atuação ou porte. Isso porque, as pessoas são o principal ativo de uma companhia. 

Pensando na importância desse tema, neste conteúdo, explicaremos detalhadamente o que é a gestão estratégica de pessoas, qual a importância dessa prática e como melhorar esse processo no seu empreendimento. Continue com a gente!

O que é a gestão estratégica de pessoas?

A gestão estratégica de pessoas não trata apenas da otimização dos recursos humanos. Esse conceito também se preocupa com o desenvolvimento profissional e o bem-estar de cada funcionário. Isso porque, se as pessoas se tornarem mais qualificadas e estiverem satisfeitas, elas tendem a se engajar mais em prol do alcance dos objetivos da sua empresa.

Diante desse cenário, podemos dizer que a gestão estratégica de pessoas é um pilar essencial no desenvolvimento de uma cultura de alta performance nas empresas.

Com os funcionários sendo mais valorizados e reconhecidos, eles tendem a dar o seu máximo e também contribuir de maneira efetiva para a geração de resultados na organização. Por isso, a gestão estratégica é fundamental para garantir o crescimento dos negócios.

Qual a importância dessa prática?

A gestão estratégica de pessoas é fundamental para empresas de diferentes setores e portes. Por esse motivo, essa questão merece atenção especial. As pessoas são o principal ativo das organizações, pois elas farão a diferença para um negócio crescer e ganhar autoridade no mercado.

Nesse contexto, cada pessoa da equipe têm motivações diferentes e é necessário entendê-las de forma a motivá-las da melhor maneira possível. Alguns indivíduos podem, por exemplo, focar em crescimento profissional, outros preferem estabelecer relações estreitas com os colegas de trabalho e há funcionários que gostam também de ter seus momentos com a família.

A gestão estratégica de pessoas trabalha com a motivação e a liderança. Para que ambas as coisas sejam possíveis, é necessário entender os anseios de todo o time de funcionários para motivá-los e liderá-los de forma a estimular cada pessoa a colaborar, a se tornarem mais produtivas e a darem o seu máximo em prol do crescimento do seu negócio.

Como melhorar a gestão estratégica de pessoas no seu negócio?

A gestão estratégica de pessoas deve-se preocupar com gente. Por esse motivo, o primeiro passo para melhorar esse processo é o desenvolvimento de novas competências técnicas e comportamentais dos empregados.

Também vale muito a pena valorizar os funcionários que apresentam alta capacidade de inovação, pois o desenvolvimento de novas ideias ajudará a sua empresa a desenvolver novos processos, produtos ou serviços que possam fazer a diferença no mercado, ou seja, a ganhar um diferencial competitivo.

A qualificação profissional é extremamente importante nesse contexto. Uma organização que realiza a gestão estratégica deve investir em qualificar os seus funcionários. Por isso é fundamental promover palestras e apresentar programas de capacitação.

Outra questão essencial, nesse contexto, é a estruturação dos programas de RH. Isso porque, a contratação de profissionais deve ter critérios claros e bem definidos. Ao publicar vagas abertas, você deve: 

Com isso, fica mais fácil selecionar candidatos que tenham perfil mais aderente às vagas em aberto.

Não à toa, a gestão estratégica de pessoas é fundamental para as empresas de diferentes setores e portes. Pois, por meio dessa prática, torna-se possível motivar os empregados de forma a se empenharem ao máximo com o objetivo de garantir o crescimento do negócio. 

Agora que você já sabe sobre o porquê a gestão estratégica de pessoas se tornou um mantra no mundo dos negócios, que tal entender quais os desafios principais da gestão de equipe?

Escrito por Philippe Aymard

Leia Também