Você já ouviu falar sobre o SaaS? Ele faz referência a um dos modelos de computação em nuvem e é cada vez mais utilizado pelas organizações. Sem dúvida, esse modelo está se tornando indispensável, pois oferece uma série de benefícios para os negócios. Entre alguns aspectos positivos estão a redução de falhas, acesso remoto e a centralização dos documentos.

Imagino que você deva estar interessado em saber mais sobre o assunto. Pensando nisso, neste post explicaremos detalhadamente o que é o modelo SaaS de computação de nuvem, destacando quais os benefícios desse modelo para as organizações e as questões necessárias para considerar antes de contratar uma plataforma que oferece esse serviço. Acompanhe a seguir.

O que é o SaaS?

Sigla para Software as a Service ou Software como Serviço, traduzindo para o português. Esse modelo permite que você acesse os softwares sem a necessidade de realizar a compra de uma licença ou de uma infraestrutura de TI dedicada, em um modelo de assinatura. 

A organização acessa o software pela internet e sem se preocupar com alguns processos. Entre eles estão a instalação, configuração e o fato de não precisar pagar à vista pela licença, ou arcar com custos de atualização e manutenção.

Vale destacar que eles são executados nos servidores das companhias que fornecem o serviço. Elas são responsáveis por manter a segurança das informações, gerenciar o acesso e os servidores necessários para o serviço.

Muitos ERPs (Enterprise Resource Planning ou Sistema Integrado de Gestão Empresarial) e CRMs (Customer Relationship Management ou Gestão de Relacionamento de Clientes)  são SaaS. Além disso, há muito tempo, alguns aplicativos consolidados migraram sua proposta de fornecimento para o modelo SaaS, como é o caso do Microsoft Office, agora vendido como Office 365, dentre outros.

Quais os benefícios desse modelo de computação em nuvem?

O modelo SaaS oferece diversos benefícios para as empresas. Entre os principais aspectos estão a redução da ocorrência de falhas, a facilidade na circulação de dados e o acesso remoto. Abordaremos sobre essas questões detalhadamente na sequência do artigo. Continue lendo!

Eliminação de falhas

É muito importante ressaltar que a confiabilidade dos dados é um dos elementos da Segurança da Informação. Essa característica é bastante útil, uma vez que os gestores podem confiar nas informações pelas quais têm acesso, para tomar melhores decisões e com mais segurança.

Com isso, haverá a eliminação de falhas, pois não terá erros no momento de salvar e conferir os documentos. Dessa forma, as informações presentes na plataforma são confiáveis. 

Facilidade na circulação de dados

Outra questão positiva é a possibilidade de encontrar os arquivos, uma vez que os documentos da sua empresa são salvos em apenas um local. Dessa forma, quando você precisar acessar uma informação específica na nuvem, será necessário apenas ir até o SaaS e encontrar determinado documento.

A facilidade no acesso às informações ajudam os gestores a analisarem o andamento de cada setor na empresa e, assim, definir ações que possam corrigir problemas na companhia ou verificar o momento exato para investir na expansão do negócio (por exemplo, por meio da contratação de novos funcionários, venda de produtos ou serviços etc.).

Acesso remoto

O SaaS ainda possibilita que você acesse todas as informações presentes em diversos dispositivos, pois as informações estão presentes na nuvem. Com isso, você pode acompanhar os dados nos smartphones, tablets, notebooks etc, o que proporciona agilidade e dinamismo aos gestores, basta estar conectado à internet.

Segurança dos dados

A Segurança da Informação se baseia em disponibilizar as informações aos usuários interessados. Em relação ao SaaS ainda existe a confiabilidade, essas questões garantem mais segurança das informações e para a empresa no momento de tomar decisões.

O que levar em consideração antes de escolher um SaaS?

Escolher um modelo de Saas não é uma tarefa fácil, pois é necessário levar diversos fatores em consideração para fazer uma boa escolha. Por outro lado, caso siga esses passos, você contará com uma excelente ferramenta e que será sua aliada no crescimento estratégico e sustentável da organização.

Entre as principais questões que merecem a nossa atenção estão o conhecimento dos fornecedores, a possibilidade ou não de se personalizar a ferramenta, e a infraestrutura necessária para instalar o serviço. Explicaremos sobre esses aspectos na sequência do artigo. Confira!

Conhecer os fornecedores

Sem dúvida, a primeira questão que merece a nossa atenção no momento de escolher um bom modelo de computação em nuvem, incluindo o SaaS, é o conhecimento dos fornecedores desse serviço.

Essa informação é fundamental, pois existem inúmeras empresas que fornecem esse modelo. Nesse contexto é importante se atentar em relação a alguns aspectos. Primeiramente, pesquise sobre a reputação do serviço no mercado. Veja o que as pessoas estão comentando sobre ele e, principalmente, se satisfazem a necessidade deles.

Além disso, é fundamental verificar o tempo da organização no mercado e analisar a reputação da companhia, através, por exemplo, de serviços como o Reclame Aqui, onde é possível visualizar quantas solicitações de clientes foram abertas e resolvidas. Essa análise é muito importante. Por meio dela, será possível verificar o quanto a companhia se importa em resolver os problemas dos consumidores.

Verificar o suporte

Pode acontecer, acidentalmente, do sistema apresentar problemas ou ficar indisponível temporariamente. Por esse motivo, o suporte é muito importante para resolver essas situações.

Por conta disso, é importante analisar qual o suporte oferecido e quais são os canais de contato para reportar os problemas (se esse processo pode ser feito, por exemplo, via e-mail, WhatsApp, pelo telefone etc.). Verifique ainda o tempo de atendimento registrado em contrato (SLA) e o tempo médio do fornecedor para atender os clientes, além do período gasto na resolução dos problemas. Quanto mais rápida for a solução de problemas, mais amparada estará a sua empresa.

Possibilidade de personalização

Outra questão fundamental no momento de escolher o modelo SaaS é a possibilidade de personalização. Verifique, portanto, se você pode personalizá-lo conforme as necessidades da sua organização.

Infraestrutura necessária para adotar o serviço

A principal vantagem do Saas é não precisar de uma infraestrutura robusta, mas sim, apenas o acesso à internet. Além disso, a maioria dos softwares SaaS têm entrada facilitada (com custos reduzidos).

O SaaS ajuda as organizações a otimizarem a produtividade, centralizarem os documentos e ainda possibilita o acesso remoto da plataforma. Nesse contexto, é muito importante saber escolher um bom sistema, pois ele será o seu aliado no desenvolvimento da sua organização no mercado.

Este post com informações sobre o SaaS foi útil para você? Compartilhe o conteúdo com os seus amigos nas redes sociais e permita que mais pessoas tenham conhecimento em relação ao tema.